Criador do Napster lança serviço de trocas e beneficia gravadoras


06/12/2004Shawn Fanning, o criador do Napster que há cinco anos tornou-se um dos maiores inimigos das gravadoras, investe agora em uma nova tecnologia para troca de arquivos de música pela internet. Dessa vez, o serviço será pago e a indústria fonográfica receberá pelos direitos autorais. O lançamento oficial da ferramenta está previsto para 2005.

O novo serviço on-line de Fanning, hoje dono da empresa Snocap, terá “uma vasta seleção de músicas parecida com a disponível hoje em redes P2P [peer-to-peer]”, disse. “Ainda não há um tipo de serviço legal com a quantidade de arquivos disponíveis nessas redes. Nosso objetivo agora é atacar esse mercado.”

Basicamente, a criação utilizará uma arquitetura parecida com a do Napster e funcionará como uma gerenciadora de trocas, garantindo que as gravadoras recebam os direitos autorais das músicas baixadas ou trocadas com a utilização do programa.

Segundo Fanning, seu sistema pode identificar as faixas trocadas e compará-las com aquelas disponíveis em uma base de dados de músicas autorizadas. Com isso, seria possível identificar versões sem licença que circulam pela rede.

Os estúdios poderiam criar algumas restrições, como quantas vezes um usuário pode ouvir uma música em seu computador antes de ter de pagar pelos direitos autorais. Por isso, as empresas que não se associarem ao novo serviço podem ter suas músicas trocadas sem receber por isso, exatamente como acontecia com o Napster. (segue)

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.