Serviço realiza ligações telefônicas a partir de blogs

14/12/2006

Uma empresa aberta há 14 meses no Vale do Silício, a Jaxtr, está se preparando para incorporar telefonia gratuita pela internet — tecnologia também chamada de voz sobre IP (VoIP) — a diversos serviços de redes sociais e blogs, como o MySpace, Friendster e Blogger.

Em contraste com serviços existentes, baseados em computadores ou telefones especiais, a Jaxtr deve permitir que os internautas telefonem para autores de blogs e usuários de redes sociais que estejam longe de seus PCs.

Depois de se registrar no site, o usuário pode veicular um link do serviço em sua assinatura de e-mail, blog ou perfil em determinados sites de redes sociais. Aqueles que visualizarem o link poderão clicar sobre o endereço e digitar seu próprio número local de telefone. Com isso, uma chamada telefônica automática será ativada conectando o telefone de ambas as pessoas.

O teste restrito a convidados, realizado nesta semana, será ampliado para incluir amigos dos primeiros participantes, ainda neste mês. O Jaxtr espera que sua receita provenha de usuários mais freqüentes, dispostos a pagar por serviços adicionais, e de publicidade, segundo a companhia.

O serviço provê números locais, permitindo que os usuários evitem as caras tarifas internacionais em qualquer de 29 mercados nacionais da Europa, América e Ásia. Os países inicialmente cobertos vão dos Estados Unidos e da maior parte da Europa Ocidental ao Brasil, Chile e México, bem como ao Japão e Cingapura.

Não é necessário software especial para utilizar o serviço. A idéia por trás da oferta da empresa é ser uma versão on-line dos tradicionais serviços de chamadas telefônicas que permitem aos usuários evitarem a cobrança de tarifas de ligação internacional. Segundo o site da companhia, ao se registrar no serviço, o usuário obtém número ilimitado de recados de voz e cem minutos por mês em chamadas recebidas.
 
Site relacionado: www.jaxtr.com

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.