Atos Webserver: fábricas controladas de qualquer lugar do mundo


04/12/2003

Maior fabricante brasileira de Controladores Lógicos Programáveis (CLP), equipamentos digitais utilizados para controle de máquinas e processos industriais, a Atos Automação está lançando um produto que promete tornar um dos sonhos da ficção científica algo próximo do dia-a-dia. Com o novo Atos Webserver, plantas industriais podem ter seus equipamentos, processos e linhas de montagem controlados à distância, através da internet, mesmo se o administrador estiver em casa ou do outro lado do planeta. O Atos Webserver é um servidor de internet dedicado através do qual executivos e técnicos podem interagir à distância com processos e máquinas controladas pelo CLP e, em outra mão, o equipamento industrial pode enviar emails e alertas via celular se algo anormal ocorre na fábrica.

“Com as fábricas cada vez mais automatizadas e seus administradores levados a atender compromissos externos o tempo todo, tem crescido muito a demanda por soluções remotas de controle e interação com equipamentos do chão de fábrica”, explica o engenheiro João Bottura, gerente de Produtos da Atos. “Nós criamos uma forma simples, segura e eficaz de dar aos industriais controle pontual e informações em tempo real do que ocorre nos processos controlados pelos CLPs. Tudo que o administrador precisa é de um computador conectado à web e de um browser.”

Com o Atos Webserver, virtualmente quaisquer parâmetros dos Controladores Lógicos Programáveis podem ser alterados por meio de um navegador padrão como o Internet Explorer. Tendo em mãos o endereço internet de seu Atos Webserver, provido por meio de um IP fixo, basta ao administrador fornecer suas senhas para acessar as páginas geradas no CLP. Segundo Bottura, em princípio todas as variáveis da máquina podem ser ajustadas à distância – mas há limites, configuráveis, por motivos de segurança.

“O campo de aplicação é vasto”, diz ele. “Pode ir do controle de um grupo de geradores de energia à supervisão de uma injetora de plástico, mas quem utiliza CLPs em automação predial pode também programar o Atos Webserver para enviar alertas no caso de alterações no consumo de energia de um edifício ou da invasão de uma área restrita”, exemplifica. (segue)

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.