P2P distribui TV paga pela Web de graça


08/09/2005

A China se tornou o paraíso da nova tecnologia que distribui sinais de televisão pela Internet expondo os operadores de TV por assinatura ao mesmo tipo de pirataria que infesta o cinema e a música. A tecnologia, conhecida como transmissão de TV peer-to-peer, ou P2P, permite que espectadores em qualquer lugar do planeta assistam a canais abertos, a cabo, ou via satélite sem pagar nada. O serviço está disponível para qualquer um que tenha conexão de Internet de alta velocidade e se disponha a baixar alguns programas.

O serviço é mais ativo na China, onde um crescente número de pessoas o utilizam para assistir a canais como HBO, ESPN e MTV. Agora, a prática está se espalhando também pela Europa, onde os espectadores usam o serviço chinês para assistir a jogos de futebol europeu não disponíveis nos canais locais. A programação é quase toda transmitida em chinês, mas HBO, MTV e a maioria dos canais do Ocidente são transmitidos em inglês com legendas em Chinês.

A transmissão de TV via P2P é a última geração da tecnologia peer-to-peer, que evoluiu como um sistema de troca de arquivos de vídeo e de música pela Internet, com a ajuda de softwares como os da Grokster Ltd. A novidade transforma um computador comum que esteja recebendo um sinal de TV em retransmissor de vídeos, alimentando outro computador, que alimenta o seguinte. O sinal, que é captado diretamente de sistemas de TV, principalmente na China, chega com um minuto de atraso às telas do Windows Media da Microsoft ou do Real Player, da RealNetworks Inc.

As informações são de O Estado de S.Paulo/WSJA. (CO)

Please rate this

 
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *