Versão de testes do sistema Mac OS X 10.5 vaza para redes P2P

16/08/2006

Em um anúncio padrão para a Apple, cópias da versão para desenvolvedores do Mac OS X 10.5, conhecido como Leopard, começaram a vazar pela internet.

A versão do sistema distribuída para a comunidade de desenvolvimento da Apple com fins de pesquisa está circulando em redes de compartilhamento de arquivos, incluindo o BitTorrent.

O software, que alega ser uma cópia do beta distribuído na semana passada durante o Worldwide Developers Conference, da Apple, começou a aparecer online neste fim de semana.

A Apple ofereceu um preview público do seu novo sistema operacional durante o WWDC, e cópias do software foram entregues a presentes ao evento para que pudessem experimentar as novas funções do Mac OS X.

A companhia tem uma visão muito restrita sobre o vazamento de seus softwares. Um incidente similar no último ano fez com que o recém-lançado sistema Mac OS X 10.4 fosse divulgado online. A Apple rastreou e processou o desenvolvedor responsável pelo vazamento.

Profissionais no WWDC assinaram acordos estritos e com conseqüências legais para que não fosse possível distribuir o Leopard por redes de P2P.

Primeiros relatos de usuários que tiveram acesso à cópias distribuídas pela Apple ou copiadas pelas redes de compartilhamento alegaram que a experiência do sistema ainda está “incompleta”.

A Apple revelou durante a apresentação do Leopard que pretende manter algumas de suas novas funções secretas até que o sistema operacional Windows Vista, da Microsoft, seja lançado no ano que vem.

Enquanto isto, um site focado a desenvolvedores do Vista divulgou na última semana um documento revelando supostas novas funções do Leopard escondidas pela Apple.

Por Redação da MacWorld

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.