Loja de música do UOL estréia em abril com mais de 500 mil canções


29/03/2006

O provedor Universo Online (UOL), que estreou na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) em dezembro último, vai lançar no mês de abril o que chamou de uma “megastore” de músicas, com mais de 500 mil canções, que serão vendidas para download por R$ 2,90 cada.

No primeiro encontro público da companhia com o mercado após a abertura de capital, Paulo Narcélio Amaral, diretor de relações com investidores do UOL, explicou que a companhia já fez acordos com “as quatro grandes gravadoras” e espera ter um diferencial na loja “pela facilidade de uso”. A megastore usa plataforma Windows e já tem uma versão beta no ar (em endereço não revelado).

Segundo o executivo, as margens Ebitda que o UOL espera com a venda de canções são “superiores às margens da assinatura” do serviço de acesso, que atualmente são de cerca de 20%, “mas não tão grandes quanto a margem incremental da publicidade”, de 70%.

A opção estará disponível a todos os internautas do país e não só aos assinantes do UOL e a Rádio UOL vai ser mantida com as mesmas características atuais, de acordo com o diretor. Ele observou que, “no futuro”, o UOL também vai estudar a oferta de downloads de vídeos.

Narcélio comentou que outros desenvolvimentos de produtos iniciados em 2005 devem ter sua estréia comercial este ano, mas preferiu não adiantar quais. “Todos os desenvolvimentos na internet levam pelo menos um ano”, disse ele, ao comentar a declaração de Luís Frias, presidente do UOL, em teleconferência realizada no início do mês, de que várias sementes plantadas em 2005 estão maturando e devem apresentar resultados a partir do segundo semestre deste ano.

Taís Fuoco | Valor Online

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.