Justiça diz que Playboy pode processar AOL


21/01/2004

A Justiça americana decidiu na quinta-feira, 15/01, que o grupo Playboy pode prosseguir com o processo que abriu em 1999 contra a América Online por violação de marca registrada. automaticamente remetidos para páginas com banners de

O caso envolve o uso das palavras ‘playboy’ e ‘playmate’ como links no serviço de busca do portal Netscape, controlado da AOL. As palavras foram incluídas numa lista de cerca de 400 termos relacionados a ‘entretenimento adulto’. Os usuários que digitassem uma das duas palavras seriam sites ‘adultos’ não relacionados ao grupo Playboy.

Notícia do Media Guardian

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.