Delegacia do RJ começa a ganhar infoguerra


11/02/2004Ralphe Manzoni Jr.

A Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI) do Rio de Janeiro está ganhando a guerra contra os e-mails falsos, que levam a sites também falsos, onde usuários de internet que caem neste infogolpe deixam informações pessoais, como senhas bancárias e dados do cartão crédito. De um total de 14 denúncias que a delegacia recebeu nos últimos tempos, conseguiu retirar no ar 86% dos casos, de forma rápida. A estratégia utilizada pela delegada titular da DRCI, Beatriz Senda, e sua equipe, como o inspetor Márcio Araújo, é mantida em segredo, por estratégia de segurança.

Araújo, no entanto, informa que, dos 14 casos, sete dos sites estavam hospedados em provedores do Japão, cinco da Coréia e um da Tailândia. Um dos casos ainda é mantido em sigilo, pelos mesmos motivos de segurança. “Os provedores do Japão, da Coréia, de Taiwan e dos Estados Unidos tem sido os mais procurados pelo braço informatizado do crime para hospedar esses sites”, diz Araújo.

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.