Você tem certeza do que é Spam?


21/11/2004

O spam tem sido alvo de muitas notícias em jornais especializados e jornais para o grande público. Também vem causando grande preocupação em especialistas da área, profissionais do direito e nos usuários da Internet, por estar se tornando uma prática muito freqüente na rede mundial de computadores.

Muitas pessoas recebem spams todos os dias, e às vezes nem sabem disso. Na verdade, artigos ou campanhas contendo uma explicação sobre o que é o spam e como combatê-lo são muito raros. É preciso conscientizar a população digital, do significado desse e-mail incômodo e de como fazer para denunciar os responsáveis pelo envio, já que essa prática é considerada ilegal.

Abaixo, seguem algumas explicações que servirão de base para o conhecimento de spam e o combate ao mesmo. As informações foram retiradas do site do Grupo Brasil anti-spam.

1 – O que é Spam?

Spam é o nome que se dá para o envio de mensagens eletrônicas, nas quais se observa a presença de pelo menos duas destas práticas:

– Não existe a identificação do remetente ou o mesmo é falso;
– Você não autorizou aquele remetente a lhe enviar mensagens;
– Não lhe foi oferecida a opção de não receber mais mensagens do mesmo remetente;
– O tema do assunto da mensagem é distinto de seu conteúdo de modo a induzir o destinatário em erro de abertura na mensagem;
– Ausência da sigla “NS” (Não Solicitado) no campo Assunto, quando a mensagem não houver sido previamente solicitada;
– Envio de mensagens com o mesmo conteúdo e para o mesmo destinatário, variando apenas o remetente ou o assunto, em prazo inferior a dez dias.

2-) O que fazer quando você é vítima de spam?

Quando você for vítima de spam , envie uma mensagem ao seu provedor de Internet, denunciando o e-mail. No conteúdo, envie uma cópia da respectiva mensagem, copiando inclusive do cabeçalho desta. O padrão para recebimento deste tipo de denúncia é abusenomedoprovedor.com.br

O Grupo Brasil anti-spam também recebe denúncias de envio de Spam. O endereço para o envio de queixas é denunciaBrasilAntiSPAM.org ;

3-) Como você pode evitar o spam?

Para evitar o spam, é preciso realizar alguns procedimentos. Crie um webmail específico para se cadastrar em sites de vendas ou newsletters, diferente do e-mail que você usa profissionalmente ou pessoalmente.

Só forneça seus dados pessoais para empresas que divulguem sua política de privacidade ou que permitam o descadastramento de forma simples e rápida.

4-) Como diferenciar um spam, de uma mensagem eletrônica eticamente correta?

È considerada uma mensagem Eletrônica Comercial ou Institucional eticamente corretas os seguintes elementos:

– Remetente identificável;
– Legendas comerciais, institucionais ou publicitárias no assunto;
– Assinatura com o nome legal e endereço eletrônico do remetente;
– Opções de “opt-in” e “opt-out” visíveis e em plenas condições de utilização eficaz;
– Nome da agência de publicidade ou de marketing direto responsáveis pela remessa;
– Nome da marca ou do anunciante responsável pela remessa;

– É comprovada a relação pessoal ou profissional entre o remetente e o destinatário;
– A mensagem tem comprovada autorização do destinatário, inclusive pela opção “opt-in”, para remessa de mensagens.
– A mensagem é remetida por qualquer entidade legalmente constituída, exclusivamente aos respectivos membros e ou associados;
– A mensagem é remetida pelos provedores de acesso a seus usuários, com a finalidade de transmitir quaisquer avisos que digam respeito à prestação de serviços.

Compare na tabela abaixo:

SPAM

MENSAGEM ELETRÔNICA CORRETA

O campo remetente está ausente ou é falso

O campo remetente é identificável

O campo assunto está ausente ou é distinto do conteúdo da mensagem.

O campo assunto vem identificado com a legenda comercial, institucional ou publicitária.

Ausência da sigla “NS” (Não Solicitado) no campo assunto, quando a mensagem não houver sido previamente solicitada;

A assinatura vem com o nome legal e endereço eletrônico do remetente.

Não lhe é oferecida as opções de “opt-in” e “opt-out” na mensagem enviada.

No conteúdo, existem as opções de “opt-in” e “opt-out” visíveis e em plenas condições de utilização eficaz.

As mensagens recebidas têm o mesmo conteúdo, variando apenas o remetente ou o assunto, em prazo inferior a dez dias.

No conteúdo aparece o nome da instituição responsável pela remessa

Opt-in” – é a permissão concedida pelo destinatário para o recebimento de mensagens eletrônicas.

“Opt-out” – é a opção automática do destinatário de ser definitivamente excluído de determinada lista de endereços eletrônicos.

Os padrões éticos e práticas estabelecidas para o envio de mensagens eletrônicas devem ser respeitados. Portanto se você identificar um spam em sua caixa postal, denuncie. Só assim se conseguirá acabar com a prática desse crime eletrônico chamado SPAM.


Amanda Ribeiro é estudante de Relações Públicas da UNESP, de Bauru

FONTE: Código de Ética AntiSPAM e Melhores Práticas de Uso de Mensagens Eletrônicas* e Cartilha AntiSPAM*

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.