Vietnã combate críticos no ciberespaço


O Vietnã comunista recebeu a Internet com agrado, como caminho para a economia de mercado, mas a Web vem causando preocupação a Hanói pois amplia o alcance de seus críticos.

O ciberespaço no Vietnã, assim como na China, seu vizinho de maior porte, é controlado por firewalls e pela monitoração do acesso do público aos cibercafés surgidos nas maiores cidades do país.

Cerca de um milhão dos 80 milhões de habitantes do Vietnã navegam pela Internet, de acordo com estimativas, um número baixo explicado pelo custo elevado dos computadores pessoais e serviços de telecomunicações.

Hanói sinalizou medidas duras contra aqueles que venham a usar o ciberespaço para transmitir críticas ao governo, no entanto. Esta semana, o governo vietnamita reconheceu pela primeira vez que estava investigando dois homens que fizeram críticas contra as autoridades do país na Internet e que um deles estava sob prisão domiciliar há dois anos.

O Ministério do Exterior informou terça-feira em declaração que Tran Khue havia violado os estatutos da democracia vietnamita e os direitos individuais ao criticar o governo, e que tinha sido colocado em prisão domiciliar pelas autoridades de sua cidade, o Comitê Popular da Cidade de Ho Chi Minh.(segue)

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.