Vendas pela internet crescem 20% no Natal

 

03/01/2012

Ao contrário do comércio tradicional, cujas vendas de Natal cresceram apenas 5,5% no país neste ano, as vendas do varejo pela internet registraram crescimento de 20%, segundo dados da e-bit. O comércio eletrônico brasileiro faturou R$ 2,6 bilhões no período, que vai do dia 15 de novembro a 24 de dezembro, o mais importante para o e-commerce do país. O tíquete médio de compra ficou em R$ 347 e o número de pedidos registrou expansão de 27% na comparação anual.

O relatório da e-bit observa que, após investirem quantias substanciais em logística, tecnologia, centros de distribuição e capacitação de profissionais, as empresas de e-commerce conseguiram reduzir a taxa de atraso nas entregas, que caiu de 17%, em 2010, para 13% neste ano.

A categoria de produtos mais vendida foi "eletrodomésticos". Os produtos de informática ocuparam o terceiro lugar no ranking de vendas, enquanto a categoria de "eletrônicos" aparece na quinta posição.

Internet continua em liquidação
As lojas virtuais do Grupo Pão de Açúcar, que controla os sites do Extra, Casas Bahia e Ponto Frio, começaram a fazer saldões de queima de estoques ainda no dia 21 de dezembro, quando já não haveria mais tempo de garantir a entrega de mercadorias na casa dos clientes até o Natal. Muitas varejistas online também realizaram o "Boxing Day", no dia 26 de dezembro, imitando a liquidação americana.

Os principais sites, como Americanas, Submarino,  Ponto Frio, Extra, Casas Bahia, continuam em liquidação neste começo do ano para concorrer com o varejo físico, com descontos de 10% e 20% e oferta de frete grátis.

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.