Software analisa integração de processos de negócios


10/05/2005 A Magic Software Brasil, concomitante ao lançamento da nova versão da ferramenta iBOLT Integration Suit, dedicada à integração de sistemas e negócios nas empresas, com tecnologia baseada conceitos de EAI/BPM (Enterprise Aplication Integration e Business Process Management), anuncia um programa que pretende facilitar a vida dos CIOs, Gerentes de TI e profissionais de análise de sistemas na análise de suas necessidades reais para a integração de processos de negócios visando tornar o conjunto de aplicações usadas na empresa em uma aplicação única, totalmente funcional.

O programa Step Fast Track poderá ser solicitado sem qualquer custo ou obrigações e terá como tarefa diagnosticar todos os processos e sistemas da empresa visando oferecer um panorama da real situação dos procedimentos, sistemas existentes e quais as soluções possíveis para a viabilização da aplicação do Business Process Management.

Segundo Helio Diamant, Coordenador de Vendas da Magic Software para América Latina, que está no Brasil para a apresentação do Step Fast Track e da nova versão do iBOLT, o programa de diagnóstico foi criado no Reúno Unido pelos integradores da Macig para facilitar aos CIOs, Gerentes de TI e profissionais de análise de sistemas o entendimento das possibilidades que a integração de sistemas pode oferecer à gestão de TI e ao uso de todos os sistemas de forma integrada e eficiente. “Notamos que os profissionais de TI tinham grandes dificuldades em diagnosticar, sozinhos, as suas reais necessidades de integração de processos, seja pela complexidade do seu ativo de TI quanto aos limitados recursos ferramentais para este trabalho”, conta o executivo.

Diamant explica que o Step Fast Track é fundamentado no entendimento do que é o negócio da empresa, de seus processos atuais e de se enumerar quais problemas ou estratégias que deseja implementar ou resolver através da integração e do gerenciamento dos processos. “Esse estudo de negócios é totalmente gratuito e leva em média 2 dias apenas: no primeiro dia, um de arquitetos de integração da Magic determina, sempre junto com a equipe de TI da empresa, o escopo da arquitetura de sistemas, aplicações e processos. O resultado é uma boa visão de suas necessidades de integração”.

No segundo dia, continua o executivo, é apresentado o que foi diagnosticado e é feita uma apresentação completa das possibilidades de integração, dando atenção especial às áreas de capacidade das ferramentas mais dedicadas às necessidades específicas em EAI/BPM, conforme descobertas no primeiro dia do Estudo de Negócios.

Diamant ressalta que após o Step Fast Track, a empresa terá em mãos um estudo completo de suas necessidades e poderá depois determinar quais os procedimentos que deseja adotar para a aplicação do Business Process Management (EAI/BPM) em sua área de TI para a gestão dos negócios.

Site relacionado: www.fontemidia.com.br

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.