Serviço produz avaliações profissionais pela internet


24/08/2005

Saber se um profissional tem o perfil ideal para a função que se propôs ou identificar pontos fracos para aperfeiçoa-los são grandes desafios. Alerta a essa necessidade, que é tanto individual quanto do mercado, a Ordem dos Economistas disponibilizou no seu site o MAP (Mapeamento de Aptidão Profissional), uma ferramenta inovadora capaz de avaliar o padrão de comportamento e o estado emocional de profissionais em relação à carreira escolhida. Estudantes, consultores e associados poderão fazer a avaliação, um teste não psicológico que traça o perfil de uma pessoa em relação à população brasileira e às características necessárias para atuar no mercado.

O MAP é uma solução desenvolvida pela HumanData, que avalia 16 comportamentos divididos em oito pares opostos: serenidade e nervosismo, índole pacífica e agressividade, euforia e depressão, instabilidade e estabilidade, isolamento e sociabilidade, insegurança e auto-segurança, introversão e extroversão e sensibilidade e racionalidade.

Com gabaritos calibrados de acordo com o perfil populacional brasileiro, a ferramenta disponível no site da Ordem tem parâmetros especiais de comparação com as características fundamentais para economistas. “O MAP é perfeito para seleção, promoção e reavaliação de profissionais e tem a vantagem de ser utilizado via web, podendo ser acessado de qualquer lugar e fornecendo as repostas dos testes imediatamente”, explica José Duarte Vieira, diretor comercial da HumanData.

Com um questionário de 92 perguntas, o MAP pode ser utilizado também para medir a competência e o potencial dos funcionários e candidatos a uma vaga ou ainda para indicar necessidades de treinamento. Abrangente, a solução possui dados para avaliação pessoal e profissional de 1100 profissões diferentes de acordo com as exigências médias do mercado ou conforme os requisitos da empresa contratante.

Site relacionado: www.ordeconbr.org.br/map.htm

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.