SEO reverso age para restaurar reputações online

21/05/2010

Por Fabiano de Mattos

O processo de SEO reverso está diretamente ligado à gestão da reputação online. É uma solução basicamente eficaz para a sobreposição de publicidade negativa, com alta projeção em mecanismos de busca, sobre você ou sua empresa.

O objetivo da técnica é realocar este tipo de conteúdo em páginas de resultados mais internas, retirando-os das primeiras páginas.

A publicidade negativa online tornou-se um dos desafios mais frustrantes para as empresas. A crescente popularidade das plataformas de redes sociais tornou mais fácil para qualquer pessoa, com uma queixa leve, criar severos danos a imagem de uma empresa ou produto.

Neste artigo, vamos esclarecer como este tipo de publicação alcança os primeiros resultados de uma pesquisa e os potenciais efeitos negativos que podem torná-la um pesadelo de relações públicas. Iremos também apresentar um plano de trabalho para a execução de uma campanha de SEO inverso e controlar os danos.

Contornando a publicidade negativa
Para entender porque SEO reverso é eficaz, você deve compreender como uma citação negativa se enraíza na listagem de resultados.

Google, Yahoo e Bing posicionam resultados baseados em um grande número de critérios. Se uma página satisfaz os mais importantes critérios para uma determinada palavra-chave esta página irá se classificar bem nas pesquisas.

Uma boa parte desta publicidade negativa, muitas vezes manipulada com propósitos comerciais, é publicada em sites que atendem a parâmetros de considerável importância de classificação nos algoritmos de busca. Isso significa que a publicidade negativa pode subir para as primeiras posições e ganhar rápida exposição.

Quando as pessoas pesquisam por sua empresa ou produto, encontrarão nos primeiros resultados comentários negativos que poderão causar sérios danos à sua reputação.

O processo de otimização com objetivo reverso é uma estratégia que reposiciona a publicidade negativa nos resultados de pesquisa retirando-a da primeira página da listagem e empurrando-a para páginas posteriores, minimizando sua exposição e reduzindo o seu impacto.

Fatores relevantes a uma campanha de SEO reverso
O processo utiliza uma abordagem metódica e multifacetada para proteger a sua reputação online. O primeiro passo é identificar sites e páginas publicadores de conteúdo negativo sobre a empresa ou produto e que ocupam os primeiros resultados para palavras-chave importantes. Essas palavras-chave podem incluir sua marca, produto ou empresa.

A segunda etapa é analisar os sites e páginas que alocam o conteúdo negativo sob o ponto de vista do mecanismo de buscas nos fatores que propulsionam posicionamentos.

Isso vai ajudá-lo a determinar o esforço e ferramentas necessárias para removê-los da primeira página dos buscadores. Publicações que estão espalhando-se por sites de redes sociais apresentam um nível maior de dificuldade do que um único blog pessoal.

O terceiro passo é o planejamento para a publicação de novos conteúdos que deverão ser promovidos à primeira página e levarão os comentários negativos para páginas com menor exposição nos resultados, reunir as ferramentas necessárias e executar sua campanha – significa compor conteúdos relevantes para as palavras-chave em questão e popularizá-los.

Tais ferramentas devem incluir a criação, publicação e linkagem de texto otimizados, uma nova rede de sites e blogs que hospedem estas publicações, perfis de mídia social, processos de social bookmarking e outras estratégias SEO padrão para os novos conteúdos lançados, com o objetivo de promovê-los aos posicionamentos que anteriormente eram tomados pelos resultados indesejáveis.

O SEO reverso pode exigir a geração massiva de conteúdos pesados para construir as ligações com alta qualificação. Um especialista em otimização terá as ferramentas e meios necessários para a elaboração do trabalho.

SEO reverso começa antes do estrago aparecer
O melhor momento para lançar uma campanha de SEO reverso é antes que os comentários negativos alcancem os primeiros resultados.

Esta projeção é resultado da popularização destas páginas baseadas no numero de links direcionados a elas, o que gradativamente aumenta quando a página ganha exposição.

Deter este crescimento logo no início reduz o esforço necessário para combatê-lo posteriormente. Impedindo sua exposição automaticamente detemos o crescimento natural de links. A página só irá classificar-se bem nos motores de busca se houver bastante links temáticos apontando em direção a ela. No entanto, uma vez que ocupa, ele vai ganhar a exposição. Isso agrava o problema.

A publicidade negativa em mecanismos de busca pode se espalhar rapidamente na imprensa e entre pessoas que a replicarão em seus próprios blogs, sites, fóruns e contas de mídia social.

Isso cria uma crescente carteira de links apontando para o conteúdo prejudicial, fortalecendo a posição nos resultados de pesquisa e tornando mais difícil a remoção.

Uma forma de proteger a reputação online
Este processo desempenha um papel fundamental no programa de gestão de reputação online. É fácil para clientes insatisfeitos, empregados ressentidos e concorrentes maliciosos atacarem uma marca ou produto. E quando isso acontece, muitas vezes é sob a capa do anonimato.

Denúncias ou queixas anônimas são praticamente impossíveis de se tratar, tendo em vista que seu caráter anônimo impede a solução ou discussão do problema. Por isso resta-nos somente a como opção de defesa eliminá-las o máximo possível dos resultados de pesquisas.

Fonte: [Webinsider]

Fabiano de Mattos (fabiano.mattos@hi-midia.com) é coordenador de SEO e web analytics na Hi-Midia.

-> A emarket utiliza as 2 estratégias para promover e divulgar seus clientes através da internet: marketing em sites de busca e marketing em redes sociais. Essas técnicas também podem ser utilizadas na construção de reputação online para sua empresa.

Please rate this

 
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *