Pequenos negócios para o grande público

17/12/2009

Por Fernando Souza Filho

A internet representa um promissor campo de atuação para os empreendedores.  Como os  negócios on-line são relativamente recentes, as pequenas empresas vêem na Web a oportunidade ganhar muito com pouco investimento. A pequena necessidade de infra-estrutura é outro atrativo dos negócios virtuais, que aproveitam ainda para explorar segmentos bem específicos que não são atendidos pelas grandes empresas.

Nesse campo, empresários com uma boa visão têm uma excelente oportunidade de negócio. Enquanto o maior varejista da Internet brasileira vende centenas de milhares de itens diferentes e exige uma enorme logística, para um pequeno negócio, o investimento em apenas uma linha de produtos gera um índice de lucratividade maior em decorrência do foco em produtos e públicos bem delineados. Uma alternativa que promete render muito mais do que o mercado tradicional.

“Uma das vantagens da Internet é permitir que qualquer pessoa, mesmo com poucos recursos, possa se tornar empresário. Só é preciso ter força de vontade, responsabilidade e conhecer seus direitos e deveres como fornecedor”, afirma Michel Pierre, diretor da loja virtual Stopplay.

O e-commerce tem números extremamente favoráveis. Mais de três milhões de pessoas compram rotineiramente pela web e o faturamento cresce ano após ano. Gigantes da Rede começaram como pequenas lojas virtuais como é o caso da Amazon, do Magazine Luiza, do Bondfaro e da loja virtual Stopplay. Eles começaram os negócios com boas idéias e simplicidade e hoje são referência no comércio virtual.

“Eu já tinha as informações necessárias para que não desse errado, mas hoje entendo que não basta saber o que fazer. É preciso estar sempre preparado para imprevistos. A coragem nos leva a tomarmos uma iniciativa que, conseqüentemente, pede uma atitude. Para alcançar o objetivo, precisaremos de determinação e perseverança”, explica Michel, que começou com uma empresa de telemarketing em 2003, em Ribeirão Preto (SP).

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.