Mercado internacional não representa ameaça para Submarino No ratings yet.


06/05/2005

Por se tratar da única empresa do segmento de e-commerce sem loja física no país, a diretoria do site Submarino acredita que os seus atuais concorrentes internacionais não apresentam ameaças significativas para o seu desempenho e crescimento. Nem a provável entrada da norte-americana Amazon.com, que poderá entrar no mercado brasileiro nos próximos anos, representa uma ameaça na opinião do presidente da empresa Flávio Jansen.

“A Amazon.com já informou que o Brasil não é prioridade do momento, mas quando ela chegar no país encontrará as dificuldades que tivemos há cinco anos e que hoje já superamos”, afirma. Jansen destaca que atualmente, o mercado online é muito mais competitivo do que o varejo tradicional já que se baseia apenas no crescimento de usuários de internet e no quanto eles compram. Segundo Jansen, quando a empresa norte-americana de e-commerce atender o Brasil ela encontrará além uma alta competitividade. “Sem contar que a Amazon terá que fazer um planejamento expressivo na captura de clientes, pois estes já estão acostumados a comprar nos sites brasileiros”, explica Jansen.

De acordo com o diretor de relações com investidores do Submarino Martin Escobari, a prioridade da Amazon.com é entrar no mercado chinês e a empresa já adquiriu, inclusive, uma loja virtual no país. Depois, a entrada será na Escandinávia, já que a Amazon tem uma grande base de clientes no continente europeu.

Nanna Pretto – InvestNews

Please rate this

 
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *