Linux ganha espaço entre usuários domésticos


21/02/2003

A Wal-Mart Stores, maior cadeia de varejo do mundo, começou a vender pacotes de software do sistema operacional Linux em seu site, o que indica interesse dos consumidores em alternativas ao Windows, da Microsoft.

A Walmart.com oferece sistemas operacionais Linux e aplicativos de rede da Lycoris e da Lindows, duas empresas que produzem versões ligeiramente diferenciadas do Linux com funções semelhantes às do Windows.

Além disso, o site da Wal-Mart vem oferecendo computadores equipados com o Linux a preços a partir de US$ 200. Os defensores do Linux dizem que a plataforma oferece uma alternativa mais barata que a Microsoft, a qual na prática exerce monopólio sobre o mercado de sistemas operacionais para computadores pessoais. Um sistema operacional Linux para um computador de escritório, da Lycoris, custa US$ 30, ante o preço de US$ 100 a US$ 200 das versões completas e atualizadas do Windows XP da Microsoft à venda no site da Wal-Mart.

O sistema operacional da Lindows e da Lycoris, acompanhado de um pacote de aplicativos de escritório e jogos, sai por US$ 100.

O centro do sistema operacional Linux é um código de software de fonte aberta, disponível gratuitamente, desenvolvido de maneira colaborativa por programadores de todo o mundo.

Muitos aplicativos, como programas de processamento de texto, também estão disponíveis em versões de fonte aberta. Os críticos dizem, no entanto, que o Linux continua a ser de uso difícil para os consumidores, mas o porta-voz da Lycoris, Jason Spisak, afirmou que o número de usuários do Linux vem crescendo claramente, desde que cadeias importantes de varejo como a Wal-Mart passaram a oferecer o software. (segue)

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.