Juruá Editora lança biblioteca virtual


11/09/2003

A Juruá Informática, uma empresa do grupo Juruá Editora, criou um sistema digital que causará grande impacto e funcionará como uma verdadeira revolução para o livro técnico e didático.

De agora em diante, pesquisadores, estudantes, profissionais das mais diversas áreas e aqueles que desejarem atualizar-se sobre temas específicos encontrarão uma nova ferramenta disponível para suas consultas pela Internet. Trata-se do sistema da Biblioteca Virtual Juruá (www.jurua.com.br/bv), uma concepção que revoluciona o formato de pesquisa em livros técnicos até então adotado no Brasil. Por meio desse método, o usuário pode realizar inúmeras consultas a obras da Juruá, principal editora jurídica da região Sul, e comprar somente o que lhe interessar, como partes de um capítulo ou mesmo uma página apenas. Neste primeiro mês do sistema, encontram-se disponíveis 200 títulos jurídicos para consulta.

Com atuação nacional, a Juruá Editora deu-se conta da necessidade de seu público realizar constantemente pesquisas técnicas em obras diversificadas. Mas essas freqüentes atualizações exigiam um alto investimento, uma vez que o valor médio de uma obra jurídica fica em torno de R$ 50,00. Então, por que não facilitar o acesso a esses livros de forma ágil e correta? Assim surgiu a Biblioteca Virtual Juruá, que ainda trouxe resposta ao problema da lesão dos direitos autorais. Seu mecanismo de consulta calcula automaticamente os direitos autorais do autor para que o mesmo seja devidamente creditado a quem por direito pertence.

Cada crédito corresponde a uma página de livro e custa de R$ 0,09 a R$0,07, a depender do número de total créditos comprados. Os créditos podem ser adquiridos no link específico do cadastro do usuário, no próprio site da Biblioteca Virtual Juruá. Quando a pessoa acessa a página da obra de interesse, ela terá debitado de seus créditos o valor referente àquela página, que fica à disposição desse usuário por 30 dias. Caso haja consulta a essa mesma página, o mecanismo não realiza nova cobrança dentro desse período.

“O sistema foi desenvolvido para ser utilizado facilmente e gerar uma real economia para seus usuários, além de dinamizar e inovar na forma em como se acessa livros no Brasil”, afirma Rodrigo Bertozzi, sócio da Juruá Informática. “A idéia é revolucionar a maneira pela qual se pesquisa em obras técnicas, uma vez que os sistemas até então utilizavam-se de vários complicadores, como a necessidade de baixar o livro inteiro em determinados formatos, ou mesmo a dificuldade na pesquisa e acesso aos capítulos e índice alfabético”, afirma Luis Antônio Hervatin, sócio da Juruá Informática.

Acessar um grande volume de obras a um custo por página equivalente ao de uma fotocópia, copiar e colar textos das pesquisas nas petições, trabalhos acadêmicos, pesquisas, etc.; acesso a conteúdo autorizado e com os devidos créditos aos autores (direitos autorais); citar a obra consultada em trabalhos, mesmo não tendo comprado o livro físico. Essas são algumas das principais vantagens do sistema de consulta da Biblioteca Juruá Virtual.

Hervatin também acredita que este novo mecanismo de pesquisa mudará o mercado editorial. “Do ponto de vista editorial os custos serão muito inferiores, uma vez que não envolve todo o custo de impressão, capas e principalmente distribuição, e isso é feito diretamente para o consumidor final por meio do sistema da Biblioteca Juruá Virtual”.

“O impacto da biblioteca virtual deverá alterar profundamente a maneira como se comercializam livros técnicos no país”, antevê Bertozzi, que completa: “O sistema digital não mata o livro físico, é apenas mais um canal, que possui sobretudo a vantagem de ser utilizado em qualquer parte em que o usuário tenha acesso à Internet.”

Site relacionado: www.jurua.com.br/bv

Ana Navarro Assessoria de Comunicação

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.