Hispânicos nos EUA ficam mais online que os americanos


28/01/2003

Os usuários de Internet de origem latina que residem nos EUA, também conhecidos como hispânicos, gastam em média mais tempo online que os internautas americanos em geral, segundo um estudo recente realizado pela maior provedora de Web daquele país, a America Online (AOL), e o instituto de pesquisas RoperASW.

Segundo a análise, feita com 301 internautas de origem latina e 1 mil usuários americanos, a população de internautas hispânicos tem crescido mais rápido que a de usuários americanos nos últimos dois anos. Conforme o esperado, grande parte dos entrevistados hispânicos frisou a importância em ter conteúdo na língua inglesa e espanhola.

Os internautas de origem latina gastam, em média, 16% a mais de tempo conectados semanalmente que os americanos. Em termos de crescimento, 48% dos hispânicos americanizados acessaram a rede nos últimos dois anos, contra 21% dos americanos – um sinal de que a população online de hispânicos está crescendo mais rápido.

De acordo com os resultados, os hispânicos também são mais engajados no que diz respeito a atividades voltadas para o entretenimento na Web. Por exemplo, mais latinos que americanos revelaram que costumam ouvir música diretamente da Internet (50% versus 40%), baixar arquivos de música (44% contra 33%) e assistir a videoclipes (36% versus 29%).

Entre os consumidores online, os hispânicos afirmaram que gastaram cerca de US$ 439 nos últimos três meses, valor que chega próximo à média de US$ 543 gasta pelos americanos. Além disso, 41% dos internautas hispânicos acreditam que os anúncios publicitários na Web são informativos, contra 24% da população americana.

Juan Carlos Perez – IDG News Service, América Latina

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.