Google lança serviço de notícias

O Google turbinará seu site com a tecnologia do mecanismo de busca para oferecer serviços de notícias. O Google News varrerá 4 mil fontes de notícias em tempo real, criando uma página dinâmica para editorias de EUA, mundo e negócios. O lançamento será feito hoje, mas o serviço esteve em beta-teste durante os últimos seis meses. Segundo Marissa Mayer, gerente de produtos do Google, o serviço é totalmente automatizado e se baseia na mesma tecnologia de classificação de informações usada no mecanismo de busca e permitirá que o usuário faça pesquisa em um banco de notícias indexado no espaço de 28 dias. O Google News não terá publicidade inicialmente e a intenção da companhia é licenciar o serviço para outros sites, comenta Mayer. A central de notícias do Google tem um novo visual, diferente da abordagem minimalista do Google. A página apresenta fotos misturadas com manchetes e matérias. Uma barra para o canal de notícias no topo da página possui sete categorias: mundo, EUA, negócios, ciência e tecnologia, esportes, entretenimento e saúde. Os canais se referem apenas ao serviço de notícias, não ao mecanismo de busca. “Não estamos, de modo algum, tentando ser um portal”, afirma Mayer. Contudo, executivos do Google dizem que o serviço está continuamente avaliando a inserção de novos recursos e oportunidades de expansão. As notícias exibidas pelo Google News são classificadas segundo três critérios diferentes: data de publicação, o volume do material e a importância da fonte.

Please rate this

 
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *