Fraudes na Internet crescem 73% em 2002


15/02/2003

Embora pesquisas recentes apontem que o consumidor digital está mais confiante em realizar suas transações pela Internet, informações divulgadas pela Comissão de Comércio dos Estados Unidos contrariam esta tendência. O órgão apontou que o volume de fraudes ocorridas na rede saltou de 220 mil em 2001 para 380 mil em 2002. Jonathan Rusch, membro do Departamento de Justiça dos Estados Unidos, afirma que os criminosos não estão usando a rede apenas para conduzir ações fraudulentas contra as instituições, mas também contra os clientes destas empresas.

O especialista diz que a linguagem HTML tem sido alvo constante destas ações. Rusch cita que, entre as empresas que atuam tanto no comércio digital como no tradicional, 45% tiveram mais problemas de fraudes na Web que nas transações convencionais em 2002.

Uma das ações mais comuns dos criminosos tem sido enviar e-mails falsos a clientes de empresas, solicitando informações dos usuários. Segundo Joseph Sullivan, conselheiro sênior da eBay, sua empresa tem passado por situações como esta. O executivo declara que a melhor medida nestes casos é estar bem protegido legalmente, trabalhando com especialistas em direito digital.

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.