Estudante cearense reinventa o computador portátil


24/08/2005

Não tão caro quanto um notebook, mas com toda a praticidade e portabilidade de um deles. Assim é o ‘‘Patativa’’, um computador portátil criado pelo estudante cearense Cícero Alves Barreto, de 22 anos, que reúne ainda características de desempenho, manutenção e portabilidade a um custo-benefício bem melhor do que o de um notebook.

O equipamento desenvolvido por Barreto, que sai por R$ 1.200 — mais barato do que muitos computadores de mesa, inclusive —, custa cerca de 75% a menos do que um notebook. Batizado de ‘‘Patativa’’, em homenagem ao poeta cearense Patativa do Assaré, o computador portátil também tem como vantagem o fato de usar peças de computadores normais — o que facilita e barateia a manutenção e futuros upgrades. ‘‘Se der um problema em um notebook, o custo da manutenção é altíssimo, quase o preço desse equipamento’’, diz o idealizador do Patativa.

A configuração do computador portátil de Barreto é composta por uma placa-mãe Asus modelo A7V266-MX, equipada com um processador Sempron de 2.4 GHz e memória de 256 MB (expansível), montada juntamente com o disco rígido de 40 GB e uma fonte estabilizada numa caixa compacta de acrílico. O invólucro de plástico que protege o equipamento pode ser facilmente removido se o usuário quiser fazer manutenção ou trocar peças para atualizar sua configuração.

Com suas dimensões compactas, o Patativa pode ser transportado para qualquer lugar numa bolsa para notebooks. Acompanha também o kit um pen drive de 256 MB, um teclado compacto e um mouse óptico. Com tudo na bolsa, o usuário terá à mão uma bagagem de 3,5 Kg.

De fácil conectividade, o o equipamento vem com placa de rede, quatro entradas USB e conectores para ligar monitor, periféricos, dispositivos multimídia e até um outro HD, além de drives de leitura e gravação de CDs, DVDs e disquetes. Outro destaque do equipamento está no fato de que para funcionar precisa apenas de um monitor. Até o aterramento e o estabilizador são dispensados, já que, segundo Cícero Barreto, o Patativa conta com aterramento eletrônico e uma fonte estabilizada.

Please rate this

 
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *