Está difícil encontrar parceiros de web na América Latina

26/09/2002O mercado antes fervilhante de internet na América Latina está atravessando um sério impasse nos últimos meses, enquanto a região enfrenta incertezas políticas e econômicas e o número de interessados em investir mais no setor diminui.Com o clima atual, algumas das empresas de internet sobreviventes a procurar por parceiros que as ajudem a enfrentar as dificuldades. Mas banqueiros dizem que é improvável que elas encontrem muitos amigos no momento.Enquanto a gigante da mídia AOL Time Warner tenta colocar a casa em ordem e compensar o crescimento mais lento em sua divisão on-line, ela prometeu estudar com atenção as deficitárias operações internacionais e diz que está preparada para tomar medidas fortes caso a situação delas não mude em curto prazo.O vice-presidente financeiro do grupo, Wayne Pace, disse no começo do mês que a empresa pode procurar por parcerias com terceiras, enquanto tenta tirar a AOL Latin America do vermelho.A gigante da mídia controla 41% da companhia latino-americana, enquanto o conglomerado venezuelano Cisneros detém 39% e o banco Itaú 12%.”Eles estão enfrentando um ambiente de negócios difícil e opções limitadas”, disse Peter Darrow, diretor de assuntos latino-americanos no escritório legal Mayer, Brown Rowe & Maw.A AOL Latin America reduziu seus prejuízos no trimestre passado e aumentou sua receita com assinantes, mas suas receitas publicitárias e base total de assinantes caíram.Outra empresa que anda mal na região é a AT&T Latin America, que tem dívidas de US$ 842,9 milhões e também foi prejudicada pela debilidade econômica da região e pelas desvalorizações cambiais.

Please rate this

 
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *