Especialista aponta maiores ameaças à segurança da informação


12/13/2005

A maior ameaça à segurança da informação hoje, no Brasil e no mundo, são as fraudes cometidas via internet, que incluem o roubo de informações pessoais, como senhas, por meio de emails e sites falsos. Essa é a opinião de David Maynor, engenheiro de pesquisas da X-Force, equipe de desenvolvedores e pesquisadores mantida pela Internet Security Systems (ISS).

“O grande problema desses ataques é que eles são direcionados, ou seja, atingem um grupo específico de pessoas, como os clientes de um banco, o que torna mais difícil sua detecção por quem monitora a internet de uma forma ampla”, afirma Maynor. O pesquisador cita como exemplo o caso dos emails falsos distribuídos em nome do Banco do Brasil.

No Brasil, segundo Maynor, também é grande a proliferação de spyware – software que colhe informações do usuário sem o seu consentimento, com o objetivo de veicular publicidade – e de máquinas contaminadas para o envio de emails não solicitados, ou spam.

Outra crescente ameaça é a proliferação dos rootkits, programas que se instalam automaticamente, sem que os sistemas de proteção como antivírus e firewalls consigam detectar, e deixam a máquina totalmente vulnerável. Recentemente, a Sony gerou grande controvérsia ao admitir o uso deste tipo de software em alguns de seus CDs, com o objetivo de impedir a produção de cópias ilegais em série.

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.