Empresas da Costa Doce estarão na internet


17/02/2006

Com o objetivo de estimular o acesso de pequenos empreendimentos do Estado ao mercado turístico nacional, o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Rio Grande do Sul (Sebrae/RS) promoverá a divulgação do Portal de Hospedagem junto aos estabelecimentos que compõem o Arranjo Produtivo Local (APL) de Turismo na Costa Doce. A iniciativa beneficiará 50 hotéis e pousadas da região Sul, que deverão se cadastrar no portal para oferecer seus serviços aos turistas. O Sebrae/RS iniciou o envio de correspondências a cada uma das empresas para difundir as vantagens da participação no site, que deverá servir de apoio comercial aos estabelecimentos do ramo que nele se cadastrarem.

O portal será um guia completo de empreendimentos do setor de turismo, que estará oficialmente na rede mundial de computadores a partir de março. O projeto foi elaborado pelo Sebrae, em parceria com o Ministério do Turismo (Mintur) e com o Instituto Brasileiro do Turismo (Embratur). Os estabelecimentos que desejarem integrar o banco de dados virtual precisam possuir a regulamentação necessária para desenvolver suas atividades, ou seja, ser empresas formalizadas e com cadastro no Ministério do Turismo. “Alertamos os empresários que ainda não têm o registro para regularizar sua situação. O processo pode ser executado através do site www.cadastro.turismo.gov.br , com o pagamento de uma taxa”, explica a gestora do Projeto Turismo na Costa Doce, Jussara Cruz Argoud. Depois de providenciar o cadastro, basta acessar a página e informar os dados do empreendimento, que estarão disponíveis no portal. Segundo ela, a exposição dos produtos turísticos no site permitirá que brasileiros e estrangeiros tenham acesso a ambientes de pesquisa, fotografias e informações sobre opções de hospedagem.

Integram o APL de Turismo na Costa Doce empreendimentos dos municípios de Rio Grande, Pelotas, Piratini, São Lourenço do Sul, Jaguarão, Santa Vitória do Palmar, Camaquã, Tapes, Arambaré, Barra do Ribeiro, Sertão Santana, Mariana Pimentel, Guaíba, Pedras Altas e Capão do Leão. (segue)

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.