Empresas abandonam o Second Life No ratings yet.

17/07/2007

Diversas empresas já abandonaram o Second Life, deixando vazias suas ilhas virtuais, segundo matéria do Los Angeles Times desta terça-feira, 17. O espaço virtual da Dell no programa, por exemplo, foi encontrado “deserto” por uma repórter do jornal norte-americano. Além da multinacional, o Geek Squad, da Best Buy, e a American Apparel também fecharam as portas no site.

Outra que se desiludiu com o SL foi a Aloft, do grupo Starwood Hotels & Resorts. A empresa tentou instalar um hotel virtual, mas fechou o espaço e prometeu a doação do mesmo.

Os motivos para a desistência, segundo o LA Times, são algumas diferenças óbvias entre o mundo real e o virtual. Na reclamação de muitas, os avatares não têm as mesmas necessidades dos humanos, ou seja, não precisam de comida, bebida, roupas, o que inviabiliza o desenvolvimento de negócios.

Outro aspecto negativo é o numero real de usuários ativos. Enquanto o Second Life indica ter oito milhões de residentes, a realidade não é bem essa, uma vez que este total inclui pessoas que se registraram e nunca mais deram as caras pelas Ilhas do portal. Além disso, agrega múltiplos avatares de um mesmo internauta, o que deixaria a contagem verdadeira em torno de 30 mil cadastrados.

Site Relacionado: Second Life.

Please rate this

 
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *