E-mail marketing exige bom senso

26/04/2007

O QAI Brasil (Quality Assurance Institute), especializado em melhoria de qualidade, produtividade e gerenciamento de processos na área de serviços de TI, divulgou hoje dicas para um e-mail marketing bem feito. “Ele requer muito além de simples anúncios de publicidade. Deve também respeitar o cliente e adquirir um estilo personalizado para cada um”, explica Mauricio Aguiar, presidente da empresa. Atenção às dicas a seguir:


1) Peça permissão

Hoje em dia todo mundo tem acesso a um e-mail pessoal, sendo um dos veículos de comunicação mais poderosos do chamado marketing business to business, além de não ter custo algum. Porém, ele pode ser uma ferramenta perigosa se não utilizado com bom senso e com prévia permissão do público-alvo.

2) Construa um mailing list específico

A melhor maneira de conseguir permissão é pedir que seus melhores clientes ou admiradores indiquem outros amigos. Essa iniciativa resulta em um banco de dados feito pela própria pessoa, que possivelmente se interessará por suas ofertas.

3) Trabalhe com um banco de dados claro e objetivo

Lançar mão de uma lista de dados voltada para os interesses da sua empresa é fundamental, desde que esses dados sejam o mais claros possível. Muitas empresas possuem CRM ou SFA para armazenar essas informações, mas há meios de prospectá-las caso não as tenha.

4) Adote a persistência como estratégia

Relações com os clientes requerem tempo para serem formadas. Antigamente causava-se uma impressão com um anúncio após cerca de 7 impactos no mercado. Com o advento da internet, agora em média são 20 anúncios para causar uma impressão no consumidor. Portanto, procure chamar a atenção de seus clientes ao menos 1 vez ao mês para que não corra o risco de fazerem negócios com seus concorrentes.

5) Conte uma história

Há provas substanciais de que contar uma história pode ser uma estratégia de marketing de muito sucesso. O e-mail possibilita que se conte um enredo aos poucos, em forma de capítulos.

6) Considere o design do e-mail

O design do e-mail é especialmente importante porque filtros podem bloquear logos, gráficos e animações em flash. Atenção à elaboração do e-mail para que os conteúdos legítimos não sejam peneirados e descartados pelos clientes.

7) Tenha uma estratégia de saída

As pessoas fornecem seus endereços de e-mail porque querem notícias a seu respeito. Mas tal atitude pode mudar e geralmente acontece.

8) Defina muito bem suas metas

Tenha muito bem definidos os propósitos de manter todas essas práticas e reescreva-as conforme o mercado exigir mudanças. Identifique suas metas de comunicação e questione sempre as maneiras de se conseguir êxito nas campanhas de sua empresa.

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.