E-commerce tem 0,8% de inflação em dezembro

20/12/2006

A oferta de pacotes de viagens para o período das férias impulsionou novamente a inflação no comércio eletrônico. Em dezembro, o preço dos produtos vendidos via internet sofreu aumento de 0,8%, segundo o e-flation, índice desenvolvido pelo PROVAR – Programa de Administração do Varejo, da Fundação Instituto de Administração – FIA, em parceria com a Canal Varejo – Consultoria de Mercado de Bens e Serviços, para registrar a movimentação de preços de produtos consumidos de maneira on-line. 
 
De acordo com o levantamento, além da categoria de “Viagem e Turismo”, que registrou inflação de 15,88%, também registraram aumento dos preços as categorias “Perfumaria”, com 6,43%, “Eletroeletrônicos” e “Produtos para Casa”, com 2,67% e 0,07%, respectivamente. Por outro lado, observou-se discreta deflação para as categorias “Informática” (1,15%), “Brinquedos” (4,73%), “CDs e DVDs” (5,62%), “Telefonia” (7,37%) e uma acentuada queda na categoria “Livros”, que registrou 10,85% de deflação. Já a categoria “Linha Branca” não apresentou variação em relação ao período anterior. Na avaliação da cesta “Automóveis”, composta apenas por automóveis, apresentou uma inflação de 2,82% para o mês de dezembro de 2006.
 
Em relação aos resultados dos 12 últimos meses, segundo o Profº Claudio Felisoni, coordenador geral do PROVAR/FIA o índice e-flation contabiliza 13,84% de deflação.

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.