Como está o SEO da sua loja virtual?

seo otimizaçao loja virtual

O SEO é determinante para as vendas das lojas virtuais. Confira abaixo algumas dicas de otimização para sua loja aparecer no Google.

Gisele Fleming*

Um trabalho de otimização de site – SEO (Search Engine Optimization) sempre será calcado em 3 pilares: Popularidade, Conteúdo e Tecnologia. Mas, para quem não entende de todos os pormenores desta técnica utilizada para ranquear de forma otimizada a posição de sua loja virtual nos resultados de busca, torna-se difícil a avaliação técnica de uma plataforma antes de sua contratação.
Vamos então considerar aqui o pilar de tecnologia, que neste caso é a plataforma de e-commerce.

Para que suas estratégias de otimização de site tenham sucesso, de nada adianta que se trabalhe os outros dois pilares se, no entanto, você não possuir em sua tecnologia uma plataforma que seja desenvolvida de acordo com os padrões de acessibilidade do W3C, orgão de alcance mundial que visa desenvolver regras para criação e interpretação de conteúdos para a web.

É comum que o fornecedor de plataforma sempre apresente a tecnologia como otimizada para o SEO focando apenas na parte de otimização de conteúdo. Porém, há uma série de requisitos técnicos necessários para uma total otimização de site – SEO, que não restringe-se apenas a ferramentas que possibilitem, por exemplo, que se possa no painel administrativo da plataforma fazer a inclusão de palavras-chave de uma página de produto ou um campo para uma macro descrição de conteúdo de uma página.

Estes recursos são importantes para fazer uma gestão de SEO, porém, são somente complementares em uma plataforma realmente rica em recursos que irão de fato torná-la otimizada ao SEO e permitir que suas estratégias possam ser suportadas no pilar tecnológico.

Veja abaixo alguns requisitos essenciais para o SEO de lojas virtuais:

1. URL amigável
2. Página de erro 404 customizada e relatórios automáticos de erros para poder encontrar facilmente os erros e corrigi-los.
3. Canonical Page – evita a duplicidade de conteúdo que pode interferir negativamente na leitura da página pelos buscadores.
4. Geração de arquivo Robots.txt.
5. Possibilidade de habilitar uma URL para uma página individual via CMS – importante para criação de páginas especiais para campanhas e hot sites.
6. Atualização constante do Sitemap XML.
7. HTML sitemap gerado automaticamente de acordo com o catálogo de produtos.
8. Redirect 301 – importantíssimo para preservar o ranqueamento da sua loja em caso de troca de plataforma.
9. Geração automática com fácil acesso do painel administrativo de meta informações como título, descrição e palavra-chave.
10. RSS feeds para possibilitar atualizações do tipo “promoções da semana”.

Manter sua loja virtual com um bom ranqueamento nos sites de busca demanda um constante trabalho especializado. Por isso, além de optar por uma plataforma otimizada para o SEO, ter um conteúdo relevante e manter sua popularidade na internet é muito importante.

Um bom profissional ou uma agência especializada precisa estar sempre acompanhando e evoluindo os trabalhos de SEO da sua loja e este trabalho somente será plenamente efetivo se sua plataforma possibilitar o uso destas ferramentas.

* Gisele Fleming é Executiva de Vendas da VTEX, empresa líder em tecnologia para o comércio eletrônico.

Please rate this

 
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *