Bancos investem para impulsionar e-business


05/11/2004

“A internet é um dos melhores negócios no qual os bancos estão investindo”. A frase é do superintendente Nacional de Estratégias de Canais da Caixa Econômica Federal, Tarcísio Luiz Dalvi, que acrescentou dizendo que, em agosto, o varejo online movimentou R$ 655,7 milhões.

Hoje cerca de 2,5 milhões de brasileiros fazem compras online, e 12 milhões se utilizam de serviços bancários na Internet. De acordo com Dalvi, os bancos não estão apenas interessados em emprestar dinheiro. “Capital é fundamental, mas também estamos oferecendo serviços que agregam valores aos produtos”.

Esses serviços são o apoio à venda (com a criação de meios de pagamentos pela internet, com cartão de crédito e parcelado), apoio corporativo (serviços de cobrança, previdência, conectividade social), interação e integração (inclusão social de empresas, correspondentes bancários), além do apoio financeiro (com a concessão de crédito para compra e investimento, capital de giro), entre outros exemplos.

O gerente de Educação e da Universidade Sebrae de Negócios, Edgar Powarczuk, ressalta que o dinheiro não é o mais importante. “O Brasil é um país de empreendedores. A cada ano surgem 470 mil novas empresas, mas a qualidade é muito baixa.” Ele diz que dessas novas empresas, metade quebra após dois anos de funcionamento e 85 % não pagam impostos como deveriam ou têm potencial para expansão do mercado. “O problema não é só querer fazer. É poder fazer, ou seja, ter infra-estrutura para abrir um negócio, e saber fazer. O problema não é dinheiro: é o mau-uso do dinheiro”, afirma. (segue)

Please rate this

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.