Agências e clientes precisam e querem o ROI*

Em períodos de crise como o que vivemos é comum ver empresas reduzindo custos e, o departamento de Marketing costuma ser o primeiro a receber cortes dentro das organizações. Mas, se os seus produtos e serviços não aparecem, como conquistar novos negócios?

Ao contrário do que muitos pensam, estratégias de Marketing bem planejadas e executadas podem ser ótimas ferramentas para as empresas driblarem a crise e conseguirem crescer investindo menos.

Segundo dados de uma pesquisa realizada pela Rock Content, 94% das empresas brasileiras pretendem aumentar o investimento em Marketing Digital em 2016. Os empresários estão entendendo que o Marketing será um grande aliado neste período. Não é por acaso que, de acordo com a mesma pesquisa, 30% das organizações já dedicam 40% do budget em ações dessa área.

ROI

Porém, ter um bom planejamento e execução não é o suficiente para alcançar bons resultados, principalmente neste contexto de instabilidade econômica. Saber mensurar e analisar os resultados das ações de Marketing também é fundamental.

O retorno sobre investimento, ou ROI (em inglês, “return on investment”) é uma métrica simples usada para medir e avaliar, por exemplo, como os investimentos em marketing contribuem para os resultados da empresa e identificar o prazo do retorno financeiro dessas iniciativas. Dessa forma é possível modificar as metas para resultados mais realistas, motivar mais a equipe, direcionar melhor as ações e conseguir resultados cada vez melhores para a empresa.

Mas apesar de parecer um cálculo bem simples, é importante lembrar que existem vários fatores externos que influenciam no sucesso de uma ação de marketing, o que dificulta a mensuração perfeita do ROI. Não existe um modelo padrão, pois é necessário considerar os objetivos de cada empresa, qual o tempo que se espera para obter resultados, tempo do ciclo de cada ação, entre outros aspectos relativos a cada organização.

Além disso, ao calcular o ROI é preciso considerar tudo o que foi gasto para a implantação de uma ação de Marketing, como por exemplo, os custos com mídia paga, as horas de trabalho dos funcionários, impostos, descontos e tudo o que foi usado do orçamento para um determinado projeto.

Em contato com esse mercado há muitos anos, observo também que, várias empresas analisam os resultados das ações de Marketing apenas sob a ótica do lucro e se esquecem que é também fundamental analisar a qualidade e a repercussão obtida de cada iniciativa. Para se ter um ROI justo é preciso enxergar além do lucro, considerando todos os outros benefícios que a ação de Marketing pode oferecer para as marcas.

Muitas vezes, a busca exclusiva pelo retorno financeiro acaba encobrindo outros ganhos que podem ser obtidos com uma campanha. O que muitas pessoas não entendem é que nem sempre um ROI alto representa ganhos, pois não significa brand awareness positivo. A ação de Marketing pode ter gerado, na verdade, uma repercussão negativa, criando dúvidas sobre a qualidade do produto ou serviço oferecido.

O ROI deve ser calculado com uma certa frequência e o acompanhamento contínuo é mais do que necessário para que haja tempo para correções e possíveis otimizações das ações. Investir em boas estratégias de Marketing, sem se esquecer de mensurar e analisar os resultados obtidos com cada ação não é mais um diferencial, mas essencial para empresas que buscam se destacar e crescer.

Luiz Cláudio S. Nobre é diretor de criação da agência Neotass.

Please rate this

 
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *